Header image alt text


ALUNOS DA ARTE MUSICAL DO CCRAM NO FESTIVAL DA CANÇÃO MOINHO D’OURO

Tal como já vem sendo hábito em anteriores festivais, os alunos da classe TALENTOS SEM FRONTEIRAS, da arte musical do CCRAM, individualmente ou em grupo, (re)conquistaram novamente vários prémios de classificação e de mérito, nos 3 escalões a concurso (infantil, juvenil e versões), no XIII FESTIVAL INTERNACIONAL DA CANÇÃO INFANTIL E JUVENIL MOINHO D’OURO, que se realizou no passado domingo, dia 19 de junho, no Pavilhão Municipal do Alto do Moinho.

 

Os 2.º e 3.º lugares no escalão infantil, foram vencidos pela dupla de estreantes Constança & Liliana e pela Catarina Ribeiro respetivamente com os temas “Sonhei que era uma princesa” e “O livro”, cuja autoria foi partilhada por Ana Cristina Videira (letra), Jorge Miguel e José Orlando (músicas). A Catarina Ribeiro ganhou ainda o prémio de melhor letra para a sua autora.

No escalão juvenil, também os 2º e 3º lugares foram atribuídos a Joana Carvalhas e Inês Conceição, cujos temas “Quero Cantar” e “Amor-Mistério” são da responsabilidade de Ana Cristina Videira e Joana Videira (letras), Jorge Miguel e Tiago Mestre (músicas). A Joana Carvalhas alcançou também o  prémio de melhor letra para a sua autora.

O 2.º lugar do escalão versões e o Prémio do Público, foram arrecadados pelo grupo BLACK&WHITE, com a interpretação do tema “Todas as ruas do amor”, dos Flor-de-Lis. O Prémio Local, atribuído à Joana Carvalhas, conferiu-lhe o acesso direto à participação no Festival Internacional da Canção Infantil e Juvenil Chaminé d’Ouro, em Portimão, a realizar já no início do próximo mês de julho, mercê do protocolo estabelecido entre o CCRAM e a Junta de Freguesia daquela cidade.

Esta iniciativa “Moinho D’Ouro” é resultado de uma parceria firmada entre o CCRAM e a Junta de Freguesia de Corroios e reuniu a interpretação de 9 canções originais, repartidas por 2 escalões etários (6 infantis e 3 juvenis) e de 7 versões e foi apresentado pela dupla Inês Cardoso (também aluna dos Talentos sem Fronteiras e vencedora do escalão juvenil do ano anterior) e Ruben Rodrigues (protagonista do mais recente programa televisivo The Voice).

Enquanto o Júri reunia, deram vozes às canções vencedoras da última edição deste festival, a Berta Berton (escalão infantil), a Inês Cardoso (escalão juvenil) e a Mariana Dias (versões), todas alunas dos Talentos sem Fronteiras.

Merecedores de distinção foram também os Black&White, cuja estreia nestes certames lhes valeu o 2.º lugar do escalão juvenil e o prémio do público. Este grupo é atualmente constituído por 4 elementos, sendo que um não esteve presente no evento, por se encontrar em terras italianas, mais concretamente em Nápoles, com uma das suas responsáveis, Ana Cristina Videira, a representar Portugal e o CCRAM no Festival Internacional EUROKIDS, onde viria a obter um excelente 1.º lugar, com a interpretação da versão Desfado, da Ana Moura, cumulativamente com um 3.º, na interpretação do tema original “Acreditar num sonho”, da autoria de Ana Cristina Videira (letra) e Jorge Miguel (música).

Parabéns Marta, temos muito orgulho em ti.

MARodrigues