Header image alt text


Talentos Sem Fronteiras

Após uma breve alocução do seu presidente, Sr. José Torres, a classe de ginástica Especial Representativa do CCRAM deu início ao 1.º quadro artístico da galeria multifacetada do VII Encontro Intercultural Saberes e Sabores, que decorreu de 19 a 23 do presente mês de Fevereiro no Pavilhão Municipal do Alto do Moinho. Organizado por Ana Cristina Videira, a apresentação deste evento musical decorreu no Auditório 1 e esteve a cargo da Joana Gomes e da Joana Videira, as quais, ao longo da noite, tiveram o privilégio de chamar ao palco alguns dos talentos musicais que levaram o nome do CCRAM e do nosso concelho a vários certames nacionais e internacionais.

Foi um momento para recordar os temas que constituíram o percurso individual de alguns jovens talentos locais ao longo do último ano, na sua grande maioria alunas do Grupo de Arte Musical AS CORES, com especial destaque para a Mariana Dias, na interpretação do tema Portugal, que muito recentemente foi vencedora absoluta do escalão juvenil no Festival Clave de Prata, que decorreu no Casino Estoril e conquistou um brilhante 2.º lugar no Concurso Internacional da Canção Katyusha, realizado na Rússia.

Relembrámos também as interpretações da Inês Conceição (As cores do teu olhar), da Joana Carvalhas (Mudar o Mundo) e dos duetos constituídos pela Beatriz Rodrigues & Marta Torres (Mãe) e Mariana Dias & Alexandra Filipe (Porquê), às quais se associaram as interpretações das já famosas Maria Passarinho (Dá-me a Mão), Joana Mestre (Sê Feliz), Diana Macário (Nesta noite de luar) e Diana Vilarinho (Acreditar), igualmente premiadas nos palcos nacionais. E tivemos ainda a oportunidade para apreciar a estreia individual da Madalena Ribeiro, que nos presenteou com o tema Sonhei que era uma princesa e do recém-constituído trio Tiago Conceição, Joana Carvalhas & Diogo Carias, que se estrearam na interpretação do já nosso bem conhecido hino Eu, tu, nós…, dedicado à ONG Filhos do Coração.

Esta iniciativa artística e cultural protagonizou a celebração do resultado do processo criativo da obra poética partilhada entre a Ana Cristina (mãe) e a Joana (filha) Videira, associada às composições musicais de Jorge Miguel e Tiago Mestre, às quais os nossos pequenos e talentosos artistas deram vozes.

O espetáculo encerrou com chave de ouro, com a atuação das Teen Machine, convidadas especiais deste evento, que igualmente interpretaram temas originais, da responsabilidade dos mesmos autores. 

MA Rodrigues